23 de dezembro de 2008

Busco-te

BUSCO-TE

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Busco-te meu amor
nos meus sonhos
com todo o ardor
que a ti exponho.
Venha para mim
aceite-me assim
banhada pela lua
e totalmente tua.
Sou apenas eu
te quero somente meu
juntos seremos um
no amor comum.
Não demore muito
venha no intuito
de sermos amantes,
loucos, alucinantes.

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Nenhum comentário:

ઇ‍ઉ Vôos ઇ‍ઉ da ઇ‍ઉ Borbollettah ઇ‍ઉ
ઇ‍ઉ Borboletas ઇ‍ઉ

Aos casais... Ante a espessa ramaria
verde, e rendada ao sol deste verão
livres, felizes, cheias de alegria,
as borboletas pelos céus se vão...

Despreocupadas... Pela floração
se perdem, numa inquieta correria...
Onde foram? E em que lugar estão?
Já não se vê o olhar que as perseguia...

Mas, de repente, voltam pelo espaço,
trêmulas e amorosas de cansaço,
asas roxas e azuis ou violetas...

E invejoso pensei, vendo-as pelo ar:
quem me dera nascer, viver e amar,
como aqueles casais de borboletas!

(J.G.de Araujo Jorge)