30 de janeiro de 2009

Uma louca tempestade

Poetas participantes:
1- Borbollettah Sandra Regina
2- Maria Thereza Neves
3- Naidaterra
4- Marcial Salaverry
5- Zenaide Giovinazzo
6- MIKAS
7- DENISE PAES GONÇALVES
8- Ercy Soares Zingra
9- Schyrlei Pinheiro
10- José Ernesto Ferraresso
11- ELISETE RICCI
12- Ilze Soares
13- Fatima Thame
14- Beki Bassan
15- Socorro Lima Dantas
16- Eri Paiva
17- Isabel Passos
18- André Z
19- IKE HENRIQUE
20- Clara da Costa
21- Lena Basso
22- Ilza Analia
23- Marlene Constantino
24- julia guiran
25- Vera Lúcia de Oliveira
26- Riberto
27- Giovânia Correia
28- Selma
29- Candy Borges
30- Manuela Sousa

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE

Na noite, uma lua plena,
temperatura amena...
Em meu peito, uma louca tempestade

Borbollettah Sandra Regina

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE

que seja um vendaval de paixões
correntezas em explosões
ondas agitando nossos corações...

16/12/2008
Maria Thereza Neves

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

TEMPESTADE

Nada me consola,
tempestade que me atola
num mar de lágrimas...

Naidaterra

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

TEMPESTADE DE AMOR

É preciso haver saudade,
para lembrar momentos de felicidade,
numa louca tempestade de amor

Marcial Salaverry

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

TEMPESTADE BRAVIA
Zenaide Giovinazzo

Ruge o vento!
Naufrago de mim mesmo
afundo com o Tempo.

SP/20/12/08

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

TEMPESTADE

De sentimentos, de ideias,
de problemas tudo gira na nossa
cabeça mas o que nos
conforta é sabermos que depois
da tempestade vem
a Bonança e ai
tranquilamente tomaremos nosso rumo...
e tudo passou...

MIKAS

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE

Tempestade de verão
passam noites, passa o vento
há folhas em meu coração
é você, é o tempo...

DENISE PAES GONÇALVES

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Voltando para o meu lar que é meu mundo,
A saudade continua alojada em meu coração
numa louca tempestade!

Ercy Soares Zingra

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

NUMA LOUCA TEMPESTADE

Chove emoções,
enquanto o vento murmura,
palavras de amor.

Schyrlei Pinheiro

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Na Louca Tempestade
José Ernesto Ferraresso

Frio, névoa, enfim, tempestade ,
de amor e de louca paixão,
que machuca o meu coração...

Serra Negra
09/01/09

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Tempestade
veio sem avisar
e os pobres coitados
sem nada ficaram

ELISETE RICCI

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Tempestade de paixões,
rugem os trovões
de ais apaixonados!

Ilze Soares

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

uma louca tempestade
inunda meu coração
lágrimas de saudade...

Fatima Thame

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

SEJA BEM VINDA TEMPESTADE
Beki Bassan

Nós dois sozinhos na mata,
Vem uma louca tempesade.
Assim esqueçemos e voltamos a nos amar.

RJ 09.01.09

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

A ALMA EM TEMPESTADE...
Socorro Lima Dantas

Caminhando vou,
a alma em tempestade,
hesita, não sabe se deve continuar...

Recife/PE
10/01/2009

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

LOUCA TEMPESTADE
Eri Paiva

Do nosso intempestivo amor
Que o vento levou
Muita saudade me sobrou

Em 10.01.2009

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE

Uma louca tempestade
para bem longe meu amado levou,
e apenas a saudade deixou...

Isabel Passos

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

TEMPESTADE

Atraves das janelas
me perco ao (t)ve(m)n(p)to
lagrimas caidas e perdidas.

André Z

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

TEMPESTADE

És vento
és chuva
és lágrimas
não minhas
são suas
tão nuas.

IKE HENRIQUE

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

LOUCA TEMPESTADE
Clara da Costa

Um adeus, sem palavras,
a saudade como companheira,
uma louca tempestade na alma...

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Tempestade

Pintando de branco o negro da noite
a tempestade me surpreendeu
enquanto chorava pelo seu amor...

Lena Basso
10/01/2009

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE
Beki Bassan

Traz boas recordações
me faz lembrar com felicidade aquele tempo,
que ficamos colados um no outro debaixo de um mangazal.

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Uma louca tempestade
... Resultado da saudade, fermento da moça idade!
Salve! Oh louca tempestade...

Ilza Analia

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Vivo assim entre ventos brandos
e loucas tempestades e o que mais
me consola, é um novo amanhecer.

25/01/2009
*Marlene Constantino*

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Uma louca tempestade

Chega sem avisar arrasa o meu coração
Chora a ventos tontos não sobra nada
Vai embora assim como chegou.

julia guiran

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE

Num dia de verão
Uma tempestade o levou
E lá se foi o meu amor.

Vera Lúcia de Oliveira

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Tempestade que leva os sonhos,
transforma a alma, destroi as paixões,
vence o coração, e derrota a esperança...

Riberto

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Uma louca tempestade
Giovânia Correia

E uma louca tempestade me invadiu.
Raios e trovões em minha vida caiu.
Fiquei naufragada e totalmente a ermo...

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

UMA LOUCA TEMPESTADE

Louca tempestade... dentro do meu peito...
A saudade é tão forte... me lembro de momentos
em que o nosso amor era perfeito,
estava no brilho dos nossos olhos,
Como nosso amor era verdadeiro!
É uma tempestade de saudades... meu coração sente...
Mas minha alma serena...
Porque sei que essa tempestade, nada mais é do que a existência do nosso amor...
a saudade do toque, do olhar, do aconchego, do beijo, da doçura das palavras...
Nosso amor será eterno.
Mas a saudade que eu sinto... um dia se tranformará em emoção...
porque sei que vamos nos reencontrar...
Não importa quando... mas um dia estarei ao seu lado, e caminharemos juntos em busca da nossa evolução.
Poderemos viver nosso amor,
Que não foi permitido na Terra,
Mas no plano onde você está, permitido será...
E caminhamos com a saudade no peito, nossos pensamentos ligados a cada momento...
O amor puro e verdadeiro...
E a felicidade dentro dos nossos corações!

Selma

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Louca tempestade que de mim, você me arrebatou...
Espero na calmaria, o retorno
de um amor que não findou.

Candy Borges

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Tempestade,
Que arrancou de mim o sorriso e a poesia,
Tremo nessa longa noite Ventosa e Fria.
Só me resta um pouco de fé nesta Hora:
"Ainda que eu andasse pelo Vale da Sombra da Morte,
Não temeria mal algum."
Sim, não temerei, mas Suplico-te ansiosa
Pois não quero perder meu Norte (minha direcção)
De ti preciso,
Para sair desta Tempestade,
Vitoriosa.

Manuela Sousa

ઇઉ ઇઉ ઇઉ

Nenhum comentário:

ઇ‍ઉ Vôos ઇ‍ઉ da ઇ‍ઉ Borbollettah ઇ‍ઉ
ઇ‍ઉ Borboletas ઇ‍ઉ

Aos casais... Ante a espessa ramaria
verde, e rendada ao sol deste verão
livres, felizes, cheias de alegria,
as borboletas pelos céus se vão...

Despreocupadas... Pela floração
se perdem, numa inquieta correria...
Onde foram? E em que lugar estão?
Já não se vê o olhar que as perseguia...

Mas, de repente, voltam pelo espaço,
trêmulas e amorosas de cansaço,
asas roxas e azuis ou violetas...

E invejoso pensei, vendo-as pelo ar:
quem me dera nascer, viver e amar,
como aqueles casais de borboletas!

(J.G.de Araujo Jorge)